O que é kefir, como fazer e quais seus benefícios para a saúde?

O que é kefir, como fazer e quais seus benefícios para a saúde?

Kefir é consumido em todo o mundo há séculos. O nome Kefir vem da palavra turca keyif, que se refere ao “bom sentimento” que uma pessoa recebe depois de ter bebido. O Kefir tem sido popular em partes da Europa e da Ásia por muitos anos, mas recentemente começou a ganhar popularidade em outros países, como o Brasil, devido ao crescente interesse em probióticos e saúde intestinal.

O que é kefir?

kefir

O kefir é uma colônia de microrganismos ou “bactérias vivas”, que são benéficas para a nossa saúde. Sua aparência é como queijo coalhado, seu sabor é ácido e se assemelha ao do iogurte.

Ele é uma mistura de probióticos e prebióticos. Com isso, pode ajudar a combater bactérias ruins no intestino, além de favorecer o desenvolvimento de boas bactérias.

O kefir é cultivado, geralmente em um pouco de leite, onde se prolifera e aumenta, sendo assim, mesmo sendo usado, ele nunca acaba. Outro aspecto interessante quanto a esse alimento, é que ele não é vendido. Existe uma tradição de compartilhar o kefir para que outras pessoas possam usufruir de seus benefícios à saúde.

Uma xícara de kefir é uma fonte de proteína, com 8 a 11 g por xícara. Kefir também fornece 10% do valor diário recomendado para a vitamina A e 25% do valor para a vitamina D. É também é fonte de cálcio, com 30% do valor diário por xícara, com base em uma dieta de 2.000 calorias.

Kefir contém certas bactérias saudáveis ​​que não estão disponíveis no iogurte, incluindo Lactobacillus do Cáucaso, Leuconostoc, entre outras. Estes microrganismos benéficos podem ajudar a cuidar da saúde digestiva e prevenir o crescimento de bactérias nocivas nos intestinos. As vitaminas, como a vitamina K e a B12, são produzidas no intestino, e os probióticos no kefir podem ajudar a facilitar essa produção.

Grãos de kefir

O kefir é encontrado em grãos, por isso, pode ser chamado também de grãos de kefir. Há dois tipos de grãos de kefir: o kefir de leite e o kefir de água.

O kefir de leite, deve ser cultivado e preparado no leite de vaca ou cabra, ou ainda no iogurte, leite de soja ou leite de coco. Já para o kefir de água deve ser utilizado água mineral ou água de coco com açúcar mascavo ou açúcar demerara.

Kefir para que serve?

O kefir é utilizado para fazer uma bebida espessa feita por fermentação de leite ou água com grãos de kefir compostos por bactérias de ácido lático, leveduras e polissacarídeos. Os grãos cultivam o leite, infundindo-o com organismos saudáveis.

O resultado é uma bebida picante, ligeiramente efervescente semelhante ao iogurte que favorece um intestino saudável e oferece inúmeros outros benefícios para a saúde. Embora nem todas as alegações de saúde em torno do kefir sejam cientificamente comprovadas, é uma adição saudável para nossa alimentação. No entanto, sempre consulte o seu médico, antes de adicioná-lo à sua dieta.

Benefícios do kefir

kefir

O consumo de Kefir ainda está sendo pesquisado, mas seus benefícios potenciais incluem:

Controle de açúcar no sangue

Em 2015, um pequeno estudo comparou os efeitos do consumo de kefir e leite convencionalmente fermentado em níveis de açúcar no sangue em pessoas com diabetes.

Os participantes que consumiram o kefir apresentaram níveis significativamente mais baixos de açúcar no sangue em jejum. Já os que consumiram o leite convencionalmente fermentado apresentaram maiores níveis.

Os participantes do grupo kefir também apresentaram valores de redução da hemoglobina A1c, que é uma medida do manejo do açúcar no sangue ao longo de 3 meses.

Reduz o colesterol

Um estudo de 2017 analisou as mudanças nos níveis de colesterol entre as mulheres que bebem leite com baixo teor de gordura ou kefir. As participantes beberam 2 porções por dia de leite com baixo teor de gordura, 4 porções por dia de leite com baixo teor de gordura ou 4 porções por dia de kefir.

Após 8 semanas, aquelas que beberam kefir mostraram diminuições significativas em seu total e seus níveis de “colesterol ruim”. Isso comparado as que bebiam apenas 2 porções por dia de leite com baixo teor de gordura. As participantes que consumiram 4 porções por dia de leite com baixo teor de gordura também reduziram os níveis de colesterol.

Os probióticos no kefir podem desempenhar um papel importante na quantidade de colesterol que o corpo absorve dos alimentos. Eles também podem afetar como o corpo produz, processa e usa colesterol.

Bom para pessoas com intolerância à lactose

As pessoas com intolerância à lactose podem consumir kefir sem experimentar sintomas. Isso é possível, pois as bactérias presentes no kefir quebram grande parte da lactose.

Um pequeno estudo em 2003 concluiu que o consumo de kefir melhorou a digestão da lactose ao longo do tempo e poderia ser usado para ajudar a superar a intolerância à lactose.

Cuida da saúde do estômago

Kefir pode ser capaz de ajudar a tratar problemas digestivos, como a diarreia ou a intolerância à lactose.
O estômago contém bactérias boas e más. Manter um equilíbrio entre elas é uma parte importante para manter o estômago saudável. Doenças, infecções e alguns medicamentos, como antibióticos, podem alterar esse equilíbrio.

Os probióticos são semelhantes às boas bactérias encontradas naturalmente no trato digestivo e podem ajudar a manter um equilíbrio saudável. Há algumas evidências de que os alimentos probióticos, como o kefir, podem ajudar a tratar a diarreia causada por uma infecção ou antibióticos.

Alguns estudos sugerem o uso de kefir para auxiliar o tratamento de úlceras pépticas no estômago e no intestino delgado.

Melhora a saúde óssea e reduz o risco de osteoporose

A osteoporose é caracterizada pela deterioração do tecido ósseo. É especialmente comum entre as mulheres idosas, e aumenta dramaticamente o risco de fraturas.

Assegurar uma ingestão adequada de cálcio é uma das formas mais eficazes de melhorar a saúde óssea e retardar a progressão da osteoporose. O Kefir feito de produtos lácteos completos não é apenas uma ótima fonte de cálcio, mas também a vitamina K2. Este nutriente desempenha um papel central no metabolismo do cálcio, e suplementar com ele mostrou reduzir o risco de fraturas em até 81%.

Estudos recentes em animais mostraram que o kefir pode aumentar a absorção de cálcio por células ósseas. Isso leva a uma maior densidade óssea e ajuda a prevenir fraturas.

Pode melhorar os sintomas de alergia e asma

As reações alérgicas são causadas por respostas inflamatórias contra substâncias ambientais inofensivas. As pessoas com um sistema imunológico excessivamente sensível são mais propensas a alergias, o que pode provocar condições como a asma.

Em estudos com animais, o kefir mostrou suprimir respostas inflamatórias relacionadas à alergia e asma. Estudos humanos são necessários para explorar melhor esses efeitos.

Propriedades de cura

Estudos de laboratório mostraram que o kefir pode ter propriedades antibacterianas e antifúngicas, embora seja necessária mais investigações.

A pesquisa mostra que o kefir tem potencial para ser benéfico contra gastroenterite, infecções vaginais e infecções fúngicas.

Uma revisão de 2016 informou que o kefir diminuiu a gravidade dos sintomas em camundongos infectados com um parasita. Outra revisão demonstrou efeitos benéficos do kefir em ratos para cicatrização de feridas e redução do crescimento tumoral.

Controla a pressão arterial

Uma pesquisa descobriu que o kefir contém kefiran, um polissacarídeo associado à pressão sanguínea mais baixa em estudos com animais. Também é carregado com vitaminas B e triptofano, que combatem o estresse e produzem um efeito calmante.

Kefir emagrece?

kefir

O kefir possui baixo teor de gordura, é um produto lácteo em proteínas e probióticos benéficos. Ele pode ser parte de qualquer dieta efetiva de perda de peso, quando consumido como parte de uma dieta equilibrada. Há produtos de kefir com sabor de frutas com leite integral, no entanto não são a melhor opção para a perda de peso porque possuem mais calorias.

O aumento do consumo de produtos lácteos, como o kefir, está associado a um menor índice de massa corporal, gordura corporal e circunferência da cintura, de acordo com um estudo de 2013 publicado na revista “Nutrientes”.

Um dos motivos para isso é o alto teor de proteína do kefir. A proteína ajuda você a sentir-se cheio por longos períodos de tempo e aumenta o gasto de energia do seu corpo, de acordo com uma revisão de 2008 publicada no “American Journal of Clinical Nutrition”. Um copo de kefir simples e com baixo teor de gordura contém cerca de 11 gramas de proteína dietética.

As melhores escolhas de kefir para a perda de peso são os kefirs simples, com baixo teor de gordura, porque contêm menos calorias, gorduras saturadas e açúcar adicionado.

Kefir como fazer?

Uma pessoa pode fazer kefir em casa em um ambiente limpo. Os utensílios, o equipamento de cozinha e as mãos devem ser cuidadosamente lavados com água e sabão antes de começar.

Você precisará:

  • – Grãos ativos de kefir
  • – Leite ou água, dependendo do tipo de kefir
  • – Um frasco de vidro
  • – Uma coadeira plástica
  • – Uma espátula de silicone ou uma colher de pau (utensílio de agitação não metálico)

Combine 1 colher de chá de grãos de kefir para cada copo de leite em uma jarra de vidro. Cubra o frasco com o pano vazado. Armazene o recipiente na geladeira por 36 a 48 horas. Após, coe o líquido com a coadeira em outro recipiente de vidro.

Para o kefir de água, o processo é o mesmo, o que muda é que você deve substituir o leite por água de coco ou água com açúcar mascavo ou demerara.

Os grãos de kefir que ficaram na coadeira devem ser colocados novamente no leite. O líquido retirado pode ser armazene por até 1 semana e pode ser usado em muitas maneiras. Pode ser bebido puro, usado como o líquido de mistura em um smoothie, ou derramado sobre cereal ou aveia. O kefir também pode ser usado em produtos assados, sopas, molhos para saladas, embora o calor possa diminuir significativamente a concentração probiótica.

Como fazer iogurte de kefir?

kefir

Um dos principais usos do kefir é para fazer iogurte. Veja abaixo a receita:

Ingredientes

  • – 500 ml de kefir já pronto
  • – 2 colheres de geleia de morango
  • – 6 morangos
  • – 3 gotas de essência de baunilha
  • – Açúcar mascavo para adoçar (opcional)

Preparo

  • – Adicione a geleia e a baunilha ao kefir e misture
  • – Junte essa bebida com os outros ingredientes e bata num liquidificador
  • – Despeje em uma jarra de vidro e leve para geladeira por cerca de 30 minutos até engrossar um pouco

Como armazenar grãos de Kefir quando não estiver em uso

Os grãos de Kefir podem ser armazenados por curtos períodos de tempo quando não são usados ​​para produzir ativamente o kefir. Para isso, siga esses passos:

Passo 1: Limpe cuidadosamente uma jarra de vidro com água morna para remover qualquer resíduo ácido. Seque o frasco.

Passo 2: Coloque os grãos de kefir dentro do frasco, certificando-se de não encher até o topo. Se o fizer, use vários frascos.

Etapa 3: Despeje o leite suficiente sobre grãos de kefir para cobri-los completamente. Feche a tampa do frasco.

Passo 4: Coloque o frasco na geladeira por até duas semanas. Se você estiver armazenando os grãos de kefir por mais tempo, certifique-se de mudar o leite pelo menos uma vez a cada duas semanas.

Riscos e considerações

Kefir é seguro de consumir, mas uma pessoa deve considerar certos fatores antes de adicioná-lo a uma dieta regular.

Enquanto as pessoas que são intolerantes à lactose podem beber kefir sem sintomas, outros com alergia ao leite não devem consumir kefir a partir de leite lácteo, pois pode causar uma reação alérgica.

Como o kefir é feito de leite ou água e contém um pouco de açúcar. Alguns kefirs pré-embalados e aromatizados possuem grandes quantidades de açúcar adicionado. As pessoas com diabetes devem ter um cuidado especial em ler o rótulo desse produto e preferir usar as variedades simples sem adição de açúcar.

Kefir onde comprar?

Como dito, o kefir é geralmente compartilhado de pessoa para pessoa, há até mesmo páginas em redes sociais e sites que possuem contatos de pessoas dispostas a doá-lo. Mas se você não conhece alguém que tenha, pode também comprá-lo em alguma loja online.

Mais informações

O kefir é sem dúvida uma opção saudável para nossa dieta, principalmente por seu alto teor de probióticos, que fazem muito bem à saúde. Além disso, é algo fácil de preparar e que pode ser consumido de diversas maneiras, não havendo desculpa para isso. Escolha a melhor forma de preparo e adicione esse super alimento à sua dieta.

Este artigo te ajudou?
  • +14 curtiram
  • 0 não curtiram